Exílio em Atlântida, por Flávio Ricardo Vassoler

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
Carta à mãe

Carta à mãe

Neuzinha, minha querida mãe, Quem foi que me ensi...

A dialética do senhor escravo

A dialética do senhor escravo

Em uma passagem do ensaio “O narrador: considera&cc...

Deixa que os mortos enterrem seus mortos?

Deixa que os mortos enterrem seus mortos?

I. Auschwitz é para nós o equivalente a v...

Na guerra, Pôncio Pilatos não pode lavar as mãos

Na guerra, Pôncio Pilatos não pode lavar as mãos

Washington, D.C., 25 de dezembro de 2014   ...

A musa em coma induzido

A musa em coma induzido

A musa em coma induzido Preâmbulo Em di&aac...

Niilismo e comunhão

Niilismo e comunhão

Chicago, 20 de junho de 2015

Poesia com a mão cheia de terra  a dar nó em gota de orvalho

Poesia com a mão cheia de terra a dar nó em gota de orva…

Chicago, 04 de julho de 2015 Para aqueles que ainda n&at...

De Pablito para Neruda: Canto para os quatro cantos da humanidade

De Pablito para Neruda: Canto para os quatro cantos da hu…

Em homenagem aos 52 anos de residencia en el cosmos de Ri...

O que seria da existência  sem as coisas que não existem?

O que seria da existência sem as coisas que não existem?

Em homenagem a Antônio Abujamra, o idólatra ...

Carta ao pai

Carta ao pai

Chicago, 17 de agosto de 2015     &n...

A Deus o que ainda é de César:  O Grande Inquisidor e a peregrinação  de Cristo pelo deserto de nossa história

A Deus o que ainda é de César: O Grande Inquisidor e a p…

Chicago, 25 de maio de 2015 Bem-aventurados os que t&eci...

Roda Viva

Roda Viva

  Chicago, 03 de setembro de 2015

E agora, Moisés? E agora, você?

E agora, Moisés? E agora, você?

 Sozinho no escuro qual bicho-do-mato, sem teogoni...

O futebol é a única religião que não tem ateus

O futebol é a única religião que não tem ateus

  Não há nada mais vazio do que um ...

Recordações da Casa dos Mortos

Recordações da Casa dos Mortos

  Chicago, 10 de maio de 2015

Pandora está em coma, Pandora vive

Pandora está em coma, Pandora vive

Chicago, 10 de janeiro de 2015

Somente os bárbaros podem se defender

Somente os bárbaros podem se defender

Chicago, 09 de maio de 2015

Patíbulo e perdão

Patíbulo e perdão

Chicago, 27 de fevereiro de 2015

Sociopatologia da vida cotidiana

Sociopatologia da vida cotidiana

Chicago, 23 de junho de 2015

Será que Narciso não gosta de se mutilar?

Será que Narciso não gosta de se mutilar?

Chicago, 05 de agosto de 2015

Da guerra sem ódio

Da guerra sem ódio

Chicago, 12 de outubro de 2014

A via crucis do corpo

A via crucis do corpo

Para Laura Oviedo, em nossa via crucis de La Paz a Cusc...

O voo da coruja de Minerva

O voo da coruja de Minerva

Chicago, 30 de junho de 2015

Martírio e mutação

Martírio e mutação

Chicago, 26 de abril de 2015

Carta à vó

Carta à vó

Chicago, 02 de junho de 2015

As intermitências da morte

As intermitências da morte

Chicago, 29 de fevereiro de 2015

Coágulo dos insetos em âmbar

Coágulo dos insetos em âmbar

Chicago, 19 de agosto de 2015

Pelé em Pasárgada

Pelé em Pasárgada

Chicago, 03 de agosto de 2015  

Gaia ciência?

Gaia ciência?

Chicago, 14 de agosto de 2015

A Metamorfose

A Metamorfose

Chicago, 08 de julho de 2015

Antártida, Atlântida

Antártida, Atlântida

Chicago, 22 de junho de 2015

É preciso imaginar Sísifo eterno

É preciso imaginar Sísifo eterno

Chicago, 31 de maio de 2015

Crime sem castigo

Crime sem castigo

Chicago, 10 de maio de 2015

"SOMENTE OS BÁRBAROS PODEM SE DEFENDER"- A edição nº. 201 da REVISTA CULT

"SOMENTE OS BÁRBAROS PODEM SE DEFENDER"- A ediç…

Publicado, na REVISTA CULT de maio de 2015, edição nº. 20...

Mike Tyson, tudo o que existe merece perecer

Mike Tyson, tudo o que existe merece perecer

Chicago, 30 e 31 de janeiro e 01 de fevereiro de 2015 &n...

Fernando Abujamra, Antônio Pessoa e André Riobaldo

Fernando Abujamra, Antônio Pessoa e André Riobaldo

Chicago, 28 de abril de 2015     &nb...

A lanterna de Kierkegaard

A lanterna de Kierkegaard

Chicago, 28 de abril de 2015 Ao meio-dia de um domingo d...

2011: Uma odisseia no tempo

2011: Uma odisseia no tempo

Chicago, 27 de março de 2015

O vermelho radioativo e o negro

O vermelho radioativo e o negro

Chicago, 19 e 20 de março de 2015 Moscou, 15 de agosto d...

Any customer can have a car painted any colour that he wants so long as it is black

Any customer can have a car painted any colour that he wa…

Chicago, 14 de março de 2015 Moscou, 09 de outubro de 20...

Vídeos Espaço Heráclito

Novos autores e autoras do Portal Heráclito

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
Na terra das vacas sagradas

Na terra das vacas sagradas

Nós sabíamos que ia acontecer, porque já viv...

Você está implicado, e não vai bamburrar, parte 2

Você está implicado, e não vai bamburrar, parte 2

“Toda vez que der num veio, o garimpeiro vai tirar o ouro, ...

Breve notícia sobre Maurício Macaco Velho

Breve notícia sobre Maurício Macaco Velho

ENTREVISTADOR: Maurício, o que você acha dos coment&...

Faca no esôfago

Faca no esôfago

Uma tristeza que vinha de dentro, de um corte frio no peito - uma...

Conto V

Conto V

Teodoro, nos últimos meses, enveredou pelo caminho do auto...

Vida de Papelão (2003)

Vida de Papelão (2003)

Integrante do livro Diário Noturno - contos do autor Era ...

Trabalho, morte e doença – Liev Tolstói

Trabalho, morte e doença – Liev Tolstói

Nota preliminar:  Já que não tenho conhecimen...

Das associações xamânicas parte 1 – a Gestão do Mundo, num Plano

Das associações xamânicas parte 1 – a Gestão do Mundo, nu…

Sedentos, voltávamos do roçado recém-aberto ...

Um singelo agradecimento ao ilustre professor Antonio Candido

Um singelo agradecimento ao ilustre professor Antonio Can…

E mais um domador de mares bravios do conhecimento deixou o leme....

Faixa amarela

Faixa amarela

A alourada senhora do SUV coreano seguia pela via principal. O ...

Lágrimas de março

Lágrimas de março

É pau É PEC É o fim do caminho Banquete c...

De como sem respeitar os índios, o Brasil não respeita a si mesmo

De como sem respeitar os índios, o Brasil não respeita a …

Diferença e cidadania No Brasil há diversos povos ...

Labiríntico

Labiríntico

Noite de breu sufocante. R. se esgueira mata adentro, procurando ...

Porrada, tiro e bomba

Porrada, tiro e bomba

– … como eu ia te dizendo, meu amigo, a impress&atil...

Velha ordem

Velha ordem

Na casa grande do patrão franzina põe a mesa com o...

Prolegômenos a uma Metafísica do Vácuo

Prolegômenos a uma Metafísica do Vácuo

            Não sou do ...

O picho de Dória

O picho de Dória

Apagar os grafites de São Paulo é descaracteriz&aac...

O caso do homem que se liquefez

O caso do homem que se liquefez

Esta é a história de um homem que, por meio da asce...

Eu sou a selva em que transformastes minha floresta

Eu sou a selva em que transformastes minha floresta

As rajadas de chuva levantavam a palha de ubim, aspergindo o inte...

Dasein

Dasein

Ao possibilitar a existência da morte a vida instaura-se e...

Nota crepuscular

Nota crepuscular

O que faz de você quem você é? Existe, em voc&...

Crônica de um governo covarde – a “Reforma” da Previdência e a morte do cidadão brasileiro

Crônica de um governo covarde – a “Reforma” da Previdênci…

Em 1967, o Brasil estava na infância de uma ditadura que vi...

Umbigo

Umbigo

Na brasilidade tropical a História é esquecida e m...

Domingo na praça

Domingo na praça

No entorno da igreja matriz, Maria negra vende cocares e bacalha...

Absolutamente questionável

Absolutamente questionável

Algo só pode ser absoluto se ainda não foi questio...

O certo pelo errado

O certo pelo errado

Em país de mídia falida, jornalismo de se orgulhar ...

Incerteza dissipada

Incerteza dissipada

Era ele meu destino e eu me enganava confirmada pela repeti&ccedi...

Breve Tratado Sobre o Direito do Silêncio

Breve Tratado Sobre o Direito do Silêncio

Este não é um texto sobre o silêncio. Este &e...

Trump e Lula: Além da Razão?

Trump e Lula: Além da Razão?

Essa semana eu não poderia falar de outra coisa senã...

Será? (Crônica de vizinhança)

Será? (Crônica de vizinhança)

A vida não anda fácil nem pras pombinhas. Quando n&...

Capítulo II - Continuação

Capítulo II - Continuação

Luana Silva era uma das representantes do homem médio vend...

Abraço

Abraço

Ainda que tenhamos ciência do caráter efêmero ...

Capítulo II – O início da guerra dos sete anos - primeira parte

Capítulo II – O início da guerra dos sete anos - primeira…

Luana tinha 24 anos, um QI 150, nenhuma história de doen&c...

Mãe, fala pra ele que a Laura tá bem!

Mãe, fala pra ele que a Laura tá bem!

Era um domingo pé de cachimbo. Eu tinha seis anos de idade...

2100: uma distopia

2100: uma distopia

Capítulo I – Pré-guerra Na prática n&...

Mãe só há uma (direção: Anna Muylaert)

Mãe só há uma (direção: Anna Muylaert)

Um filme curto com tanta coisa a se destacar. Confesso que comece...

Mundo Cão (direção: Marcos Jorge)

Mundo Cão (direção: Marcos Jorge)

Uma grata surpresa! Confesso que fui ver “Mundo Cão&...

Mais forte que o mundo (direção: Afonso Poyart)

Mais forte que o mundo (direção: Afonso Poyart)

Como fazer um filme de grande abrangência, de grande p&uacu...

Um filme escuro

Um filme escuro

[Cena um] O verão começa à meia-noite.

Racismo com código de barras

Racismo com código de barras

“Mas ele é racista!”, disse o rapaz, um pouco ...

Retrato do poeta quando pedra

Retrato do poeta quando pedra

Para escrever sobre o Manoel de Barros, tive de ir a um parque &n...

Elena Ferrante e a vertigem da linguagem

Elena Ferrante e a vertigem da linguagem

Se o mistério em torno da verdadeira identidade de Elena F...

A golpes de machado: crônica do Golpe anunciado, vista da Floresta

A golpes de machado: crônica do Golpe anunciado, vista da…

Ele, o Lula, vem do povo, igual que nem nós. Nós ...

Ele escuta a mãe d'água cantar

Ele escuta a mãe d'água cantar

       A ideia era simplesmente pa...

Você está implicado – e não vai bamburrar

Você está implicado – e não vai bamburrar

Ato I – caem as máscaras Um embate – silenc...

Há uma vida lá fora

Há uma vida lá fora

“Emprestamos à árvore nossas paixões, ...

O que resta ao resto

O que resta ao resto

A lixeira normalmente presa em um poste, estava no chão. N...

Patos Mandarins

Patos Mandarins

Há uma passagem bela e emocionante no escrito de Nichiren ...

Cursos e Palestras

Novas autoras e autores do Portal Heráclito

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
A Bem-Amada

A Bem-Amada

Sobre a aparência e o comportamento de Safira era poss&iacu...

Barracão número Seis

Barracão número Seis

O ano é 1944, o mês pouco importa, lembro apenas que...

Mareando

Mareando

Tenho o mar em mim entranhado. Bruma febril e efêmera do t...

Dançando para não dançar

Dançando para não dançar

Danço para não dançar. Ouço ritmos d...

Nossos “novos” tempos

Nossos “novos” tempos

Que tempos são esses que enfrentamos Em que sofremos com ...

Do Imaginar

Do Imaginar

A imaginação é substância volát...

Sobre Não Parar

Sobre Não Parar

Não quero entrar em parafuso, Paranóia. Nã...

Reflexões Sobre o Decesso

Reflexões Sobre o Decesso

Se fosse possível traduzir a vida em palavras, arriscaria ...

Convite para um Duelo

Convite para um Duelo

As gotas de chuva escorriam docilmente pelo vidro da janela. Entr...

Recomeço

Recomeço

O Recomeço Moldo do destroço. Monto o que se queb...

Inquietações IV

Inquietações IV

Axí, credo! A menina aqui paga mais que os outro. Mas &oa...

Vem de lá

Vem de lá

É de lá do mar Que ouço um chamado, Um sua...

O pitoresco caso de uma existência

O pitoresco caso de uma existência

Sem luz. Sem sons fortes. Sem possibilidade de movimentaç&...

Andança Reversa

Andança Reversa

Hoje eu acordei do avesso. O mundo está desmoronando. Vejo...

Marca Indelével

Marca Indelével

  Mãos à obra: Lise em seu atelier. (Foto: ...

O grito

O grito

Nascera no seio da esperança A despeito de um tempo em qu...

Ser tão humano

Ser tão humano

Meia luz a fio Revelando a lua no balanço do rio. Enquan...

O Corredor

O Corredor

Sentiu o peito arder quando seus olhos se encontraram pela primei...

Edifício

Edifício

Primeiro andar. Jurandir a esperar pelo jantar Que Ana em outro...

Pequenina

Pequenina

Hoje pequena acordei Descobrindo que a ser criança voltei...

Privatização

Privatização

Deves a franqueza perdoar, Mas a esta altura a única alte...

Notas de um trauma continuado

Notas de um trauma continuado

Quando se discute com alguém que pensa diferente sobre alg...

With Strangers

With Strangers

Os dias correm E sobrevivo entre estranhos que por mais que se o...

O que a lágrima é?

O que a lágrima é?

O que a lágrima é? É saudade de algué...

Dois Mundos

Dois Mundos

Na minha confusão Entram pensamentos em tumulto, Saem se...

Do Outro Lado do Rio

Do Outro Lado do Rio

O dia se acabava naquele lugar ao sul do mundo. No céu, o ...

Brasil

Brasil

Nesta terra tanto dá de tudo Que deixa matraqueiro mudo. ...

Cara a Cara

Cara a Cara

Meia noite no relógio a badalar E um reflexo no espelho a...

Inconteste

Inconteste

O Brasil saiu do trilho. Para o boi aumentaram o pasto, Para as...

Divagações

Divagações

De manhã, frente ao café puro e forte Desperta-me ...

Dinâmica do Mal

Dinâmica do Mal

No terreno do ódio pleno Se enraiza em movimento sereno ...

Considerações sobre o Ensino de Filosofia e Educação em Geral

Considerações sobre o Ensino de Filosofia e Educação em G…

Talvez o único ponto positivo que podemos extrair da chama...

Incongruências

Incongruências

No compasso de uma valsa desritmada Fui pela estrada Caç...

A Vida É Um Freak Show

A Vida É Um Freak Show

No teatro alucinado dos horrores Pairam no ar melancolia e antig...

Sangue Quente – Final

Sangue Quente – Final

Mais tarde, em seu refúgio, a pantera recostou a cabe&cced...

Sangue Quente – Parte VI

Sangue Quente – Parte VI

Seus olhos se encontraram.  Fabrício devorou-a com um...

Capitais Pecados – Avareza

Capitais Pecados – Avareza

Caroline acordara cedo naquela manhã acinzentada de invern...

Sangue Quente (Parte V)

Sangue Quente (Parte V)

Precisamente às sete horas e cinco minutos da manhã...

Inquietude

Inquietude

As passagens, muitas vezes, são de difícil acesso e...

Verso Inverso

Verso Inverso

Quando nasci mirei nos olhos da mãe que sorria E abra&cce...

Inevitável

Inevitável

Às vezes nos perdemos em labirintos de pedra, às ve...

Santa Maria

Santa Maria

Ave Maria! Vinde, Divina Mãe, resgatar nossa alegria. De...

Efeito Colateral

Efeito Colateral

Sexta-feira, 19 de maio a voz dura ao telefone é implac&aa...

Bagunça

Bagunça

Entre pilhas de roupas e papéis, Mistérios insol&u...

Sangue Quente (Parte IV)

Sangue Quente (Parte IV)

A pantera acordou de um sobressalto. Olhou para o lado e encontro...

Lugar

Lugar

Quero me mudar Para um lugar distante, uma praia à beira-...

Dança das Horas

Dança das Horas

Nas horas que se vão Fica a terra, germina o grão....

A viagem de Laurinha-Laura, do primo Flá e de Nietzsche, o pirata

A viagem de Laurinha-Laura, do primo Flá e de Nietzsche, …

Laurinha-Laura é uma menina sapeca. Laurinha-Laura &eacut...

Vídeos

Na Mídia

  • 1
  • 2
  • 3
Publicado, no caderno literário Aliás (O Estado de S. Paulo), o ensaio "As noite de Sherazade e do rei Xariar" (25/03/18), de Flávio Ricardo Vassoler

Publicado, no caderno literário Aliás (O Estado de S. Paulo), o ensaio "As noite de Sherazade e do rei Xariar" (25/03/18), de Flávio Ricardo Vassoler

Acaba de ser publicado, no caderno literário "Aliás", do jornal "O Estado de S. Paulo" (25/03/18), o ensaio "As noites de Sherazade e do rei Xaria...

Publicado, no blog Estado da Arte (O Estado de S. Paulo), o ensaio "A feiura salvará o mundo: um diálogo entre Rafael, Kandinsky e Picasso" (23/03/18), de Flávio Ricardo Vassoler

Publicado, no blog Estado da Arte (O Estado de S. Paulo), o ensaio "A feiura salvará o mundo: um diálogo entre Rafael, Kandinsky e Picasso" (23/03/18)…

Pessoal, é com alegria que compartilho com vocês o segundo ensaio de minha autoria que acaba de ser publicado no blog "Estado da Arte", vinculado a...

Publicado, no blog Estado da Arte (O Estado de S. Paulo), o ensaio "Os inimigos do homem serão as pessoas de sua própria casa: crítica e apologia sociais em "Pai contra mãe", de Machado de Assis (09/03/18), de Flávio Ricardo Vassoler

Publicado, no blog Estado da Arte (O Estado de S. Paulo), o ensaio "Os inimigos do homem serão as pessoas de sua própria casa: crítica e apologia sociais e…

Pessoal, a partir de hoje, sexta-feira, dia 09/03/18, este escritor passa a colaborar, quinzenalmente, com o blog "Estado da Arte", vinculado ao jornal "O Estad...

Publicado, no caderno literário "Aliás", do jornal "O Estado de S. Paulo" (01/04/18), o ensaio "Aqueles que incineram a imaginação", de Flávio Ricardo Vassoler

Publicado, no caderno literário "Aliás", do jornal "O Estado de S. Paulo" (01/04/18), o ensaio "Aqueles que incineram a imaginação…

Acaba de ser publicado, no caderno literário "Aliás", do jornal "O Estado de S. Paulo" (01/04/18), o ensaio "Aqueles que incineram a imagina&ccedi...

Ensaio de Flávio Ricardo Vasoler sobre Joseph Roth no Estadão (04/03/18)

Ensaio de Flávio Ricardo Vasoler sobre Joseph Roth no Estadão (04/03/18)

Acaba de ser publicado, no caderno literário "Aliás", do jornal "O Estado de S. Paulo" (04/03/18), o ensaio "Seria Lênin o verdadeiro precur...

Publicado, na revista "Acta Scientiarum", o artigo "Um diálogo entre Mikhail Bakhtin e a Teoria Crítica: um caminho da dialogia e da polifonia à dialética de Dostoiévski", de Flávio Ricardo Vassoler

Publicado, na revista "Acta Scientiarum", o artigo "Um diálogo entre Mikhail Bakhtin e a Teoria Crítica: um caminho da dialogia e da polifonia à …

Pessoal, é com muita alegria que compartilho com vocês um artigo de minha autoria que acaba de ser publicado na revista "Acta Scientiarum: Lí...

Ensaio de Flávio Ricardo Vassoler sobre sua viagem a Sarajevo no Estadão (25/02/18)

Ensaio de Flávio Ricardo Vassoler sobre sua viagem a Sarajevo no Estadão (25/02/18)

Pessoal, é com bastante alegria que compartilho com vocês, a partir do caderno literário "Aliás", do jornal "O Estado de S. Paulo" (2...

Ensaio de Flávio Ricardo Vassoler sobre "Arquipélago Gulag", de Soljenítsin, no Estadão (04/02/18)

Ensaio de Flávio Ricardo Vassoler sobre "Arquipélago Gulag", de Soljenítsin, no Estadão (04/02/18)

Acaba de ser publicado, no caderno literário "Aliás", do jornal "O Estado de S. Paulo" (04/02/18), o ensaio "Gulag, uma tragédia para n&ati...

Ensaio de Flávio Ricardo Vassoler sobre "Doutor Jivago", de Boris Pasternak, no Estadão (07/01/18)

Ensaio de Flávio Ricardo Vassoler sobre "Doutor Jivago", de Boris Pasternak, no Estadão (07/01/18)

Acaba de ser publicado, no caderno literário "Aliás", do jornal "O Estado de S. Paulo" (07/01/18), o ensaio "Nobel de Literatura em 1958, Boris Pa...

"Guerra de todos contra todos", ensaio de Flávio Ricardo Vassoler na revista "Re-produção"

"Guerra de todos contra todos", ensaio de Flávio Ricardo Vassoler na revista "Re-produção"

E eis que 2018 já começa narrativamente: a revista "Re-produção" (site: http://www.casaguilhermedealmeida.org.br/revista-reprod...

Ensaio de Flávio Ricardo Vassoler sobre Hans Christian Andersen no Estadão (31/12/17)

Ensaio de Flávio Ricardo Vassoler sobre Hans Christian Andersen no Estadão (31/12/17)

Acaba de ser publicado, no caderno literário "Aliás", do jornal "O Estado de S. Paulo" (31/12/17), o ensaio "Narrativas de Hans Christian Andersen...

"O Fausto russo de Bulgákov", novo ensaio de Flávio Ricardo Vassoler publicado pelo Estadão (10/12/17)"

"O Fausto russo de Bulgákov", novo ensaio de Flávio Ricardo Vassoler publicado pelo Estadão (10/12/17)"

Acaba de ser publicado, no caderno literário "Aliás", do jornal "O Estado de S. Paulo" (10/12/17), o ensaio "O Fausto russo de Bulgákov" (t...