A+ A A-

Redenção

Quando o crepúsculo se derramou em sangue

por sobre a altiva montanha,
Sísifo já estava debaixo da grande pedra.


A vida absurda chega ao seu termo.


Nada foi, de fato, alguma coisa.
Tudo foi.
Foi-se tudo.
A foice da finitude nos ceifa a todos.


Um alívio pensar que não haverá mais segundas-feiras! 

Avalie este item
(1 Voto)
Robson Mattos

Graduado em Letras, é escritor, revisor de texto e professor dos Ensinos Fundamental e Médio. Pai de Bernardo e marido de Bárbara, reside em Osasco, Zona Oeste de São Paulo.

voltar ao topo