A+ A A-

A Ontologização de um Corpo Múltiplo e suas Construções Potenciais

           `Durante pouco mais de um ano me deparei e guardei certas notícias que, de formas variadas, tocavam em temáticas que me despertavam certo interesse em aprofundar, ainda que os compromissos acadêmicos usurpassem minha disponibilidade de tempo naquele momento. De certo, há males que vem para o bem, já que agora, após abrir seus links ao mesmo tempo, pude perceber correlações, dificilmente perceptíveis por mim caso tais análises fossem pensadas em temporalidades distintas.

Leia mais ...

Barracão número Seis

O ano é 1944, o mês pouco importa, lembro apenas que fazia frio, muito frio, mas afinal para um grupo de condenados em razão da simples existência que se encontram confinados à espera de ser remetido para o cadafalso pouco ou quase nada importa a precisão temporal. Vale aqui ser humano. Vale? Vale ser? Vale ser humano?

Leia mais ...

Sobre Não Parar

Não quero entrar em parafuso,

Paranóia.

Não quero ser para-raios de outras histórias,

Cair de paraquedas no meio de um abismo que não é meu.

Não quero perder tempo a observar para-brisas

Em dia de tempestade a castigar.

Leia mais ...

Publicado, no caderno literário Aliás (O Estado de S. Paulo), o ensaio "As noite de Sherazade e do rei Xariar" (25/03/18), de Flávio Ricardo Vassoler

  • Publicado em Na mídia

Acaba de ser publicado, no caderno literário "Aliás", do jornal "O Estado de S. Paulo" (25/03/18), o ensaio "As noites de Sherazade e do rei Xariar” (titulo original: “Para Șahräzäd, é preciso sentir o orvalho da campina com os pés descalços”), de autoria do escritor e professor Flávio Ricardo Vassoler, doutor em Teoria Literária pela FFLCH-USP, com pós-doutorado em Literatura Russa pela Northwestern University (EUA). Eis o link o link para o texto publicado na versão online do caderno "Aliás": "‘O Livro das Mil e Uma Noites’ ganha uma nova edição no Brasil": http://alias.estadao.com.br/noticias/geral,o-livro-das-mil-e-uma-noites-ganha-nova-edicao-no-brasil,70002238426. O ensaio em questão dialoga com o formidável “Livro das mil e uma noites” (Editora Globo, Biblioteca Azul), traduzido com muito lirismo e poesia por Mamede Jarouche, professor de Língua e Literatura Árabe da FFLCH-USP.

Leia mais ...

Publicado, no blog Estado da Arte (O Estado de S. Paulo), o ensaio "A feiura salvará o mundo: um diálogo entre Rafael, Kandinsky e Picasso" (23/03/18), de Flávio Ricardo Vassoler

  • Publicado em Na mídia

Pessoal, é com alegria que compartilho com vocês o segundo ensaio de minha autoria que acaba de ser publicado no blog "Estado da Arte", vinculado ao jornal "O Estado de S. Paulo": (23/03/18) A FEIURA SALVARÁ O MUNDO: UM DIÁLOGO ENTRE RAFAEL, KANDINSKY E PICASSO – eis o link para o texto: 

http://cultura.estadao.com.br/blogs/estado-da-arte/a-feiura-salvara-o-mundo-um-dialogo-entre-rafael-kandinsky-e-picasso/

Leia mais ...

Publicado, no blog Estado da Arte (O Estado de S. Paulo), o ensaio "Os inimigos do homem serão as pessoas de sua própria casa: crítica e apologia sociais em "Pai contra mãe", de Machado de Assis (09/03/18), de Flávio Ricardo Vassoler

  • Publicado em Na mídia

Pessoal, a partir de hoje, sexta-feira, dia 09/03/18, este escritor passa a colaborar, quinzenalmente, com o blog "Estado da Arte", vinculado ao jornal "O Estado de S. Paulo". O "Estado da Arte (http://cultura.estadao.com.br/blogs/estado-da-arte/) incentiva a publicação ensaística que procura subverter a divisão do trabalho intelectual entre arte e pensamento, criação e esforço do conceito. Sendo assim, os textos, via de regra com mais fôlego, tendem a acompanhar de forma rente a dinâmica (o canto de Circe) dos objetos com os quais se imbricam. 

Leia mais ...